Nina Vilas Boas

Nina, quem?

Sou eternamente fascinada pela luz do fim de tarde, apaixonada pela janela aberta, pela cortina voando e pela poesia escrita em tons amarelados sobre uma história enquadrada logo ali. Sou encantada com a oportunidade de entrar na vida e na história de outras pessoas, me deparar com todo o tipo de amor, de família, de zelo, de carinho e de batalha que cada um me deixa descobrir ao abrir as portas da sua vida, da sua casa e da sua alma.

Sou feliz, honrada e, mais um vez, fascinada, por além de ter nas mãoes essa incrível oportunidade de conhecer e crescer com outras histórias pelo mundo, ainda poder pintar o meu quadro com as ferramentas que a fotografia me da.

Sou alguém eternamente aprendiz, eternamente louca por absorver e contar novas histórias que com um pouco de sorte se tornarão as lembranças, guardadinhas em um baú, um teletransporte para dias bons, felizes, e vividos com intensidade!

Sou a Nina, muito prazer! Vamos contar uma história?